31 outubro, 2006

ONTEM...

...estava com a neura, HOJE estou assim-assim e AMANHÃ estarei melhor (se conseguir)...
O dia em que aparece o período já é um dia em que nós, mulheres, temos uma certa predisposição para a irritação. Ora, se a isto acrescentarmos o facto de termos problemas de infertilidade e por isso o assunto não saí da cabeça, se acrescentarmos que fui conhecer o meu mais recente priminho Afonso (de 3 semanas) que é a coisa mais linda, se acrescentarmos ainda que no dia antes deram-me a boa notícia de que duas primas minhas, de quem eu gosto bastante, estão grávidas de um mês e meio, resulta na minha cabeça uma grande explosão de tristeza e de perguntas sem resposta que consequentemente resultam numa grande choradeira.
Tristezas ainda não completamente de lado, desejo as maiores felicidades para elas, uma delas teve também dificuldades em engravidar mas já superou e a outra nem sequer queria mas está feliz portanto nem sabe a sorte que tem em não passar por isto...

27 outubro, 2006

É ilusão minha...

... ou os alunos têm cada vez mais dificuldade em cumprir regras e cada vez menos educação???
A cada ano que passa, e eu tenho um contacto privilegiado com a realidade, é notável que existem mais alunos com dificuldade em cumprir as regras básicas de estar e de convivência com as outras crianças e com os adultos. Cada vez mais, existem alunos que têm dificuldade em permanecer sentados numa secretária, em ouvir aquilo que se está a dizer, seja pelo professor seja por um colega, numa preguiça mental que faz confusão, uma apatia e um desinteresse pelo saber. Pior ainda, é ter consciência de que 95% dos casos são de alunos que em casa os pais simplesmente fomentam esta situação, ou por ignorância própria porque também eles são assim, ou porque não têm tempo para se ralar e dedicar e deixam andar, até que um dia, quando forem reparar, já eles estão grandes e os pais nem deram conta do seu crescimento, nem participaram dele. Aí é tarde demais e assim entramos num ciclo vicioso...
Governantes deste país, é preciso investir na EDUCAÇÃO!

25 outubro, 2006

E com tanta chuva...

...daqui a pouco não tenho roupa para vestir. :)
Eu sei que a chuva é um fenómeno natural e necessário à vida na Terra mas realmente vamos ver se ela dá uma trégua. Só o tempo suficiente de eu conseguir enxugar uma roupinha...

21 outubro, 2006

E ontem ao final do dia...


...surpresa! São tão bonitas, amor... Até pela fotografia é possível sentir o cheirinho a perfume!
E para eternizar o momento aqui ficam elas pois o único senão é que um dia vão acabar por morrer.

"Mesmo que ao meio-dia a rosa perca a beleza que teve de madrugada, a sua beleza naquele momento foi real. Nada no Mundo é permanente, e somos tolos em desejar que uma coisa perdure, mas mais tolos ainda seríamos se não a apreciássemos enquanto a temos."

18 outubro, 2006

Sou eu assim sem ti...

Sou eu assim sem ti... é filho de outro blog onde me iniciei no relato das minhas emoções e percepções do meu quotidiano. No entanto, não era um blog completo uma vez que me impunha limitações por amigos e familiares o consultarem assiduamente e eu não querer compartilhar com eles a minha busca e luta por ti... bebé.
Aqui sim, agora sim, vou poder desabafar, partilhar e até quem sabe receber em troca informação e experiências.
Resumidamente, ando a tentar engravidar há 2 anos sem êxito. Depois de uma primeira fase de análises, ecografias e controle através da temperatura basal tomei Dufine para regularizar os ciclos menstruais e ajudar na ovulação.
Depois, a meio deste ano fui a uma consulta no Hospital de Santa Maria, no qual fomos sujeitos aos testes pós-coital e espermogramas...resultado: os espermatozóides do marido são bons, eu ovulo mas por algum motivo, os "bichinhos" não sobrevivem e não ultrapassam o muco.
O primeiro tratamento foi tomar 450mg de Gonal, fazer teste pós-coital e histerossalpingografia, se tivesse tudo ok faria inseminação. Na verificação disto tudo concluíu-se que eu estou com um ciclo regular, a ovular e com muco, os espermatozóides continuam a não passar no meu muco e na histero consegue-se ver as trompas bem mas o médico ficou com dúvidas na sua permeabilidade. Definiu então que fizesse uma laparoscopia para diagnosticar melhor o estado das trompas e se fosse o caso para tentar melhorar a sua situação. Após tudo isto, irá analisar se é necessário fazer inseminação artificial ou FIV (para a qual, pelo sim pelo não, fiquei logo inscrita uma vez que a lista de espera ronda os dois anos).

17 outubro, 2006

Outubro 2006

October 13
Sexta-feira, 13 ...
Para uns dia de muito azar, para outros dia de sorte e ainda para outros "o que importa é que seja sexta-feira".
As superstições existem desde sempre, e para muitos hoje é dia de azar, pois há-de ser com certeza porque para alguém neste vida exista um dia de azar e esse dia pode ser hoje.
Outros, com a mania que são melhores, acham que o número treze dá sorte... ou seja, outra superstição, e então acham que provavelmente acontecerá hoje algo de bom, meus queridos vai sair-vos o euro milhões?
É claro, eu encontro-me no último grupo, o que interessa é que seja sexta-feira, sinónimo de fim-de-semana, e já agora de sair o euro milhões também não me importo. Mas dispenso os azares, já tenho a minha cota parte deles na minha vida e já não preciso de mais.
Boa sexta-feira 13!

Setembro 2006

September 04
Um bocadinho de mim
Empregos que tive:
angariadora de sócios para um jornal regional (1 dia), empregada de armazém de mobiliário em ferro (8 meses), professora de Matemática e Ciências da Natureza do 2º ciclo (toda a vida)

Filmes que não me canso de assistir: A Cidade dos Anjos

Programa de TV que não perco: O Sexo e a Cidade

Livros que recomendo: Equador, O Deus das Pequenas Coisas, As intermitências da Morte, etc...

Lugares onde já estive: México (Riviera Maya), República Dominicana (Punta Cana), Inglaterra (Londres), Açores (S. Miguel), Madeira

Comida preferida: não tenho

Lugar onde gostaria de estar neste momento: numa praia no Brasil com o meu amor

September 13
Tenho o tempo contado!
Pois já sei o meu horário... não é mau, mas quero sempre melhor, não é?
2ª feira de manhã e de tarde, 3ª, 4ª e 5ª feira só de tarde e 6ª feira um bloco de 90 min logo às 8h da manhã...
Só tenho um nível para preparar, Mat do 6ºano, umas Àreas de Projecto, um Est Acompanhado... Mas tenho 5 turmas... há muito tempo que não tinha tantos alunos, vai ser bonito para decorar os nomes, principalmente dos chinesinhos... De componente não lectiva tenho marcada uma hora de Biblioteca, uma hora de substituição e duas horas para planificar trabalho com as colegas do grupo.
Ao todo são 26 horas. Não sou directora de turma mas sou secretária... alguma havia de me calhar...
Quanto aos miúdos só para a semana direi. Para já, parece-me haver alguns pequenos problemas, veremos se fáceis de controlar ou não...
Quanto à deslocação tenho alternado, uns dias de transportes outros de carro... E parece-me que irá ser assim o resto do ano...

September 22
A primeira semana de aulas já lá vai...
Entre apresentações e testes diagnósticos não custou nada...
Agora, que vamos começar no duro é que eu quero ver quem é mesmo bom e quem me vai lixar a cabeça o ano inteiro...
Há de tudo um pouco, todos os feitios, todas as idades, todas as nacionalidades,...
Vamos ver se o civismo ganha a batalha no final!
Primeiro problema detectado: os meninos não chegam a horas às aulas. E a actuação é lenta porque somos aconselhados a marcar falta apenas à terceira vez e já depois de ter comunicado o Enc. de Educ.. Ora isto, parece-me abusivo e é permissivo. Portanto eu não vou tolerar e até já comecei a mandar escrever recados para que assim que tenha oportunidade...


E como a mente tem andado ocupada, bem ocupada a habituar-se a esta nova realidade, não tem tido tempo para divagar sobre pequenos detalhes da vida que por vezes teimam em não largar os nossos neurónios, logo a vida assim, é mais feliz.

September 25
Temos que ser justos...
... O meu amor é o máximo!

Como a sua pobre mulher só chega a casa às 20h, assume a tarefa de nos fazer o jantarinho, todos os dias excepto à sexta-feira, que nesse caso já eu tenho possibilidade de o fazer. E não é que tem feito umas coisitas jeitosas... umas espetadas de carne feitas por ele, hoje tinha uns bifezinhos (que eu tinha deixado a descongelar) feitos no forno com natas e para acompanhar um tomate recheado de ovo com salsichas, só queria que vissem, melhor que provassem, estava uma delícia. Cuidado, amor!! Assim vou ficar redondinha, não é isso que queres, pois não?

Agosto 2006

August 07
Férias I
Olá a todos! Cá estou eu de regresso. Não, não fiquei por lá porque a vida não são só férias e é preciso voltar à Terra!
De qualquer forma estou pronta para vos contar como decorreram estas 3 maravilhosas semanas.
Vamos começar pela 1ª semana... Açores!
É de uma beleza natural única, é divertido, é extasiante... Aconselho a todas as pessoas que antes de irem conhecer as belas praias desse mundo fora vão primeiro aos Açores! Eu só conheço S. Miguel mas também dizem que é uma das ilhas mais bonitas. Para mim os pontos de interesse são muitos e deixo-vos algumas sugestões que poderão confirmar a sua beleza pelas fotos que encontrarão no respectivo sítio.
Os pontos de maior interesse: A Lagoa das Sete Cidades (lagoa azul e lagoa verde), Ponta de Ferraria (piscina natural de água salgada que a determinada altura aquece de tal forma que se torna impossível estar numa parte da piscina), Lagoa do Fogo (descê-la, é uma verdadeira aventura), Caldeiras (piscina termal com cascata de água fria e outra de água quente sendo a água completamente opaca devido à quantidade de ferro), Furnas, fumarolas, nascentes de água gaseificada e o cozido das Furnas, Poça da Beija (pequeno tanque natural de água termal também ferrosa mas de uma transparência incrível e mais curioso é tão quente que dá para fazer sauna), Parque Terra Nostra (espécies de plantas de todo o mundo e no meio uma piscina termal magnífica para quem como eu conseguir ultrapassar a ideia de que a água está suja porque não está é apenas rica em ferro)estufas de Ananás, fábrica de Olaria, miradouros da parte Nordeste da ilha, fábricas de chá, e para os amantes da praia, existem algumas boas, é só esquecer a areia preta e aproveitar...

August 08
Férias II
Férias II significam três dias na Madeira, a terra do Alberto João Jardim.
Percorremos o principal da ilha, fartámo-nos de fazer quilómetros, e conheci o bolo do caco, que é um pão que se come com manteiga de alho, muito bom por sinal, conheci os rebuçados de funcho, também muito bons e que imaginámos que o nome de Funchal tivesse vindo dessa planta.
Caminhámos por sítios bonitos e interessantes como Santana, onde se podem observar as suas casinhas típicas e desenganem aqueles que como eu chegam lá e pensam que vão encontrar uma aldeia inteirinha delas porque não vão, existem apenas algumas espalhadas que não deixam de ter a sua graça por isso.
Subimos ao Pico do Arieiro. Espectacular! Paisagem maravilhosa, quer ao longo da subida quer lá no topo. Gostava imenso de ter feito o percurso a pé até ao Pico Ruivo (6km apenas possíveis a pé) mas o tempo era pouco e nem todo o grupo poderia ter acompanhado o percurso, por isso fica a vontade para uma próxima ocasião.
Outro sítio que adorei bastante foi Porto Moniz... e que pena mas não tínhamos levado biquini... encontrámos lá uma piscina natural, embora já trabalhada pelo Homem, que ficou aqui, entalada na garganta, e que também essa terá de ficar para uma próxima ocasião...
Por fim, visitámos o Centro de Vulcanologia, com visita guiada às grutas, que foi educativo, e deu-nos uma ideia da origem do arquipélago da Madeira.
Conclusão: adorei, se tiver oportunidade voltarei com mais tempo, mas a beleza natural, o ambiente, o estado mais genuíno e simples dos lugares e das pessoas dos Açores batem aos pontos a Madeira. Desculpa lá, Alberto.

August 09
Férias III
Bom, em férias III pode-se considerar uma pequena pausa das próprias férias para me organizar, lavar roupa e fazer novamente a mala para mais uns dias.
Nestes dias, para além disto ainda tive o baptizado do Duarte e o aniversário do meu puto que é como quem diz do meu irmão.
PARABÉNS, mano! Estás crescido!

August 10
Férias IV
Fui passar ainda cinco dias a Porto Covo e levei a minha mãe que ainda não conhecia o lugar.
O tempo estava ligeiramente mais fresco o que tornou tudo bastante mais agradável, levei a minha mãe que ainda não tinha tido direito a uns diazinhos de descanso e o meu mano e a minha futura cunhada (espero eu) foram lá ter no fim de semana e também gostaram muito daquilo. Gostaram tanto que para a semana querem lá voltar...
Lamento-me sempre é da água que por aquelas bandas é sempre muito fresquinha... até refresca as ideias...
Bom, esta semana, tem sido para lavar roupa, por a casa em ordem, ir ao dentista, enfim... No fim de semana cheira-me a trabalho, pois vamos fazer a limpeza da casa minha avó Helena ao Alentejo, lá terá que ser para ver se ela não cai e pudemos lá ir o fim de semana da festa... E rezo para que seja uma festa calminha, e não tenha que aturar as bebedeiras dos meus ricos primos, senão vou fazer de conta que não os conheço, que tal a ideia?

August 14
Aldeia…
É uma aldeia alentejana perdida no fim de Portugal da qual os meus pais são descendentes...
Muito fria no Inverno e muito quente no Verão, tanto que até o alcatrão derrete...
Mas hoje a tecnologia, lentamente, vai chegando...
E estou a falar nela porque fui passar o fim-de-semana, a casa da minha avó, a fazer limpezas, senão a casa cai qualquer dia... E também porque daqui a 15 dias lá estarei para ver a festa... Talvez ponha aqui umas fotos para vocês confirmarem que é uma aldeia muito simpática e pitoresca... não é agradável é a parte das limpezas... e também é pena que seja tão longe... Daqui até lá são 225km aproximadamente... o percurso passa por dentro de muitas terrinhas e por isso é longo... no mínimo 3h... mas também as estradas estão a melhorar para aqueles lados... graças ao Alqueva....

August 21
Já está!
Já estou colocada por mais um ano ou talvez três!
Para grande surpresa minha fiquei em Lisboa. E perguntam-me vocês se isso é bom ou é mau... Não sei.
É bom estar colocada, apesar de este ano estar um pouquinho mais longe e eu não me estava a imaginar a caminhar todos os dias para Lisboa, por outro lado não conheço nada acerca da escola e não sei onde fui-me meter... Só me vem à cabeça as marchas de Lisboa pois estes bairros são os principais participantes.
Depois de conhecer a escola relato mais pormenores...

August 28
Festa
Lá se passou mais uma festa... É uma festa da aldeia da minha mãe, muito bonita, que tem a duração de cinco dias (apesar de eu só ter assistido a três), e que se define por ter Touradas, Largadas, Procissões, Espectáculo de Variedades (este ano foram os Santa Maria, Canta Bahia, entre outros menos conhecidos), fogo de artifício, salva de morteiros, alvorada de foguetes (não muito agradável para quem se deitou há pouco), enfim... é muito agitada, muito concorrida, e divertida também.
Eu já não fui a tempo de ir à Corrida de Toiros mas às 4h da manhã fui à largada e fartei-me de rir... É feio rir da desgraça alheia mas eles só lá vão porque querem. As pegas foram muito engraçadas e as vacas deram marradas a torto e a direito a quem apanhavam pela frente, e eles depois lá se levantavam e saíam dali a correr...
O fogo de artifício de Sábado foi bem bonito, foi um jogo de fogo com luz laser projectada na parede da igreja e música em simultâneo... já há muito que o fogo não surpreendia quem está habituado a lá ir pela festa.
E depois de tudo isto, e como estava escrito por todos os lados...
Festa é... um reencontro de amigos!

August 30
Almoçarada de professoras
Para aproveitar estes últimos momentos que me restam até ao início das actividades lectivas lá fui almoçar com um grupo de amigas, todas professoras. As cinco estivemos juntas numa escola, da qual não gostámos nada mas em contrapartida ficou uma amizade, e para não a perdermos temos anualmente marcado um encontro para pôr as novidades em dia.
É engraçado que eu acho que a cada ano que passa nos encontramos mais cedo e acabamos mais tarde, a ponto de termos os maridos e os pais à espera em casa para jantar e nós juntas ainda na tagarelice desde o almoço...
Para o ano o encontro será no Alentejo, meu lindo Alentejo, ou nas Caldas da Rainha.

Julho 2006

July 10
Lugar
Nada mau...queriam o quê? Para quem nunca foi bom em nada, ser o quarto melhor do mundo é uma alegria!

Sexta-feira consegui arranjar um tempinho para comprar uma prenda para o meu mano que faz anos no fim do mês...antes que venham os saldos e depois não se encontre nada de jeito. Mas com isto acabei por comprar mais uma t-shirt e uns chinelos lindos para mim.

A família de Castro Verde veio até cá dar uma volta e por isso foi um fim-de-semana para trás e para a frente sem fazer nenhum... isto é que é uma vida.

Para terminar, resta-me partilhar a minha indignação pelo facto de no meu local de trabalho terem organizado um convívio para todos num dia de semana e para quem não pode estar presente levou um castigo. Quem não vai ao passeio fica a trabalhar... mais nada... Quem disse que a vida era justa?

July 14
Uma hora pequenina

É o que eu desejo à X. e ao seu pequeno Tomás...
É pequeno mais vai fazer a mãe arrepender-se dessas palavras porque vai-lhe dar muito que fazer e vai berrar muito aos ouvidos dela e quando crescer vai partir muita loiça e fazer muitas asneiras... A falar a sério...boa sorte!

Fiz todas estas carinhas ontem...Fomos apanhados desprevenidos por uma má notícia que estava à espreita e nós é que teimávamos em não a ver.
Não, não é nenhum problema de saúde. Mas nem só os problemas de saúde são maus, não gosto de ser apanhada de surpresa... quem não tem pais ricos sabe a importância do dinheiro e dá o valor do que custa a ganhar... e o que mais me irrita é que apesar de não se ter podido evitar, podia-se ter atenuado a queda... e é esse descuido que está a custar a engolir...
Alguém uma vez disse: Vão-se os anéis ficam os dedos

Junho 2006

June 08
4 de Junho
Quem adivinha onde fui este dia?
Gozar a minha prenda de aniversário do meu marido de há já 2 meses e tal... FUI AO ROCK IN RIO 06
Pois é, e foi...não tenho palavras para descrever...
Fomos cedo, andámos a passear pelo recinto, fomos escorregar pela pista de neve, só não andámos no Slide porque eram 3h de espera... Depois escolhemos o local para assistir aos concertos do Palco Mundo e vi a Corine muito bem sentadinha, depois a Anastacia foi um estrondo, interagiu com o público, desceu do palco e foi cumprimentar a audiência, cantou que foi uma maravilha, ela tem um vozeirão incrível e portanto foi uma hora de braços no ar...
Depois o Sting num estilo completamente diferente, num espectáculo de hora e meia, fantástico, um som incrível, não tem a sensualidade da Anastacia mas é um charme o homem...Não foi tão comunicativo com o público mas foi muito bom...o homem sabe tocar e cantar...é um senhor...
No fim os GNR, que são os GNR, mas não têm o impacto dos últimos dois, não é?

June 09
Concursos
Quero comunicar que mais uma vez NÃO FIQUEI EM QUADRO DE ZONA PEDAGÓGICA. Ou seja, vou continuar a ser uma contratada (não professora) e a poupar uns trocos ao estado que vai continuar a ignorar-me, apesar de precisar dos meus serviços, e provavelmente vou continuar a ouvir a ministra a ofender-me quando diz que eu não trabalho tendo em conta os interesses dos alunos mas sim os meus próprios interesses.
Bom, daqui a 3 anos há outro concurso só esperemos que as regras sejam outras e a ministra também. Sim, porque graças a essas malditas regras 27 professores passaram-me à frente, ficando vinculados e eu só daqui a muitos anos é que vou conseguir posicionar outra vez à frente deles.

June 12
Rodrigo
Rodrigo é um bebé fofo que foi baptizado ontem e a quem eu dedico este post. PARABÉNS, RODRIGO pela força que tens e por apesar de seres tão pequenino conseguires ultrapassar todos os obstáculos que surgiram ainda antes de seres gente.


June 29
Limpezas
Tenho um dia de descanso da escola e o que é que eu faço?
Limpezas.
Pois, porque a minha casinha está a precisar que alguém cuide dela. O quarto já está, hoje foi a casa de banho do quarto, amanhã, se a manhã correr bem na escola, lavo o tapete do quarto para o voltar a colocar no sítio e não é tarefa fácil...
No fim de semana, talvez no Domingo, é a vez do escritório...apenas o que me está a atrapalhar é que eu ainda não arrumei a papelada deste ano lectivo que se foi acumulando... Se no Sábado conseguir dar um jeitinho, no Domingo lá calha... O meu CL vai adorar este programinha...

Maio 2006

May 08
Cinzento...é a cor que me caracteriza hoje...
É um daqueles dias em que não acredito em nada e acho que não vou conseguir concretizar o sonho que eu mais desejo...
É um daqueles dias em que me pergunto porque é que tudo tem de ser tão difícil para mim? Porquê?

Fico à espera de melhores dias...

May 15
O meu fim de semana
Eu sei que o título parece uma composição da escola....
Não foi mau...espaireci...apesar de volta e meia pensar nos testes que tinha para corrigir... E pelo menos não pensei "naquilo"...acho que os dias cinzentos por agora acabaram...pelo menos até eles decidirem voltar...pois, porque nós achamos que mandamos nos nossos pensamentos mas isso é um erro, quando eles querem ganham vida própria e nós só temos é que ir para onde eles nos levam...se é pensamento positivo está tudo cor-de-rosa mas se é pensamento negativo está tudo cinzento.
De resto fui até à praia, dei um passeio...
O mais desagradável foi o afilhado ter de ir ao Hospital por causa de um acidente de trabalho... mas não há-de ser nada e daqui a uns dias já nem se lembra...espero eu...

May 19
Provas de Aferição. Sabem o que são?
São umas provas que não contam para a transição de ano e servem para aferir os conhecimentos dos alunos. Mas quem se lembra de fazer estas provas não tem em conta que os alunos ainda não deram a matéria toda porque ainda falta um mês de aulas, e mesmo daqui a um mês provavelmente não terá dado a matéria toda porque o programa é extenso, não se lembra que os alunos não são uma massa homogénea e que por isso não podem ser avaliados todos pela mesma bitola e na prática os professores são obrigados a simplificar os conteúdos de modo a que estes possam chegar até aos alunos.
E mais grave ainda...o dominar a Língua Portuguesa é uma característica mais exigida na prova de Matemática do que na de Língua Portuguesa, pois os enunciados de Matemática exigem um nível de compreensão que não é exigido na prova de Língua Portuguesa. Mas aqui temos de ponderar...será a Matemática que está a exigir mais? Ou será que a Língua Portuguesa está a exigir de menos para que os resultados nacionais não sejam tão mauzinhos para a disciplina como o são os de Matemática?

May 23
Avó...PARABÉNS!
Obrigada por seres quem és ou quem foste.
Obrigada por seres tão doce, amiga, meiguinha, fofinha, queridinha e outros adjectivos acabados em "inha".
E agora para que todos se roíam de inveja (e apesar de não ser muito bonito divulgar a idade de uma senhora)...esta linda senhora de cabelos brancos que outrora foram loiros e olhos claros nasceu no dia 23 de Maio de 1913 o que significa que perfaz hoje 93 anos.
PARABÉNS, LINDA!

Para rir
Sabiam que a Matemática se suicidou?
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
,
Tinha muitos problemas....

May 31
Sim, chegou o calor... tão bom que é mas é quando estamos de férias ou de fim de semana. Não é quando trabalhamos em salas sem ar condicionado, com 20 crianças lá dentro a quererem constantemente ir á casa de banho, ir beber água e a queixarem-se de que está muito calor.
Isso a ministra não sabe o que é de certeza.

P.S.- É só um desabafo, outro dia com mais paciência explico o que a ministra acabou de inventar com a renovação do Estatuto da Carreira Docente.

Abril 2006

April 12
1º Dia em Londres
Olá! Olá!
Até que enfim que aqui venho! E para não perderem pitada vou contar-vos por episódios como foi a minha estada na big city.
O primeiro dia foi curtinho porque chegámos lá já ao final da manhã.
A primeira etapa foi descobrir o hotel e almoçar pois o check in era possível apenas às 14h.. Ficámos na Russel Square, que tinha um underground giríssimo, com um elevador enorme para o acesso.
Livres das malas lá fomos nós, passeámos pela Leicester Sq, Trafalgar Sq, direitinhos ao National Gallery ver lindas obras de arte do Van Gogh, Monet, Leonardo da Vinci, etc... Não tenho formação nenhuma em arte e até acho que não sei apreciar devidamente mas que adorei a galeria, adorei. Possui uma atmosfera muito calma e tranquilizante, pois apesar das inúmeras pessoas que por ali circulavam toda a gente era muito silenciosa e respeitava o local. Pena que não se podia tirar fotografias e por isso tive de comprar uns postaizinhos à saída.

Depois viemos passeando por Convent Garden até chegarmos ao British Museum onde não conseguimos ver os 7 milhões de objectos que possuem mas já ficámos com uma boa ideia da colecção que se encontra dividida por continentes. Terminámos já passava das 19h e de rastos...
Bom, hora de ir jantar qualquer coisa, e descansar que amanhã o dia é longo, sopa para mim e fish and chips para o CL.

April 13
2º Dia em Londres
E cá vou ao relato do 2º dia em Londres.
Às 8h já estávamos a apanhar o underground para Lancaster Gate e a partir daí demos um belo passeio pelos parques que eu adorei.
Primeiro Hyde Park que é brutal, enorme e paradisíaco. Tem uns lagos espectaculares com uns bonitos cisnes e dezenas de espécies de patos e sobretudo um ser vivo que eu adorei e até tinha trazido um na mala se pudesse - os esquilos. Amei os esquilos até lhes levei nozes.
A seguir veio o Green Park e chegámos ao Buckingham Palace. Toquei à campaínha mas a Rainha não abriu a porta, por isso limitei-me a tirar fotos do lado de fora, ao guarda, ao monumento da Rainha Vitória, etc...
Chateada com esta indelicadeza da Rainha segui pelo St James Park, ao longo The Mall, onde confraternizei com mais uns quantos esquilos.
À hora marcada, lá estávamos nós na Horse Guard Parade, para assistir à Guard Mounting (Render da Guarda), um show com pompa e circunstância pois outrora o povo tinha uma consideração enorme pela Guarda Real. Hoje em dia é mais para o show off e mostrar aos turistas uma tradição inglesa.
Depois disto continuámos a nossa caminhada a pé, claro, direitinhos ao N10 Downing St, na qual também o nosso amigo Tony Blair não estava e por isso não entrámos.
Deparámo-nos então com Westminster Palace que por outras palavras significa Big Ben e Parlamento. O Big Ben é...alto, bonito, dourado e dá horas. Toca de 15 em 15 minutos. O Parlamento, bom esse só por fora, mas é igualmente majestoso.
A uns metros de distância encontra-se a Abadia de Westminster, imponente e gigantesca, onde pudemos visitar o trono de coroação dos reis, os tumultos de reis ingleses e suas famílias e muitos escritores ingleses.
E com tudo isto, estáva na hora de almoçar uma sandocha, mesmo em pé porque já não havia mesas, a olhar para o Tamisa e com os pombos a fazerem rasantes na nossa cabeça pois estavam interessados no nosso almoço.
Atravessámos o rio pela ponte, a pé, e fomos dar a nossa voltinha na London Eye. Uma paisagem magnífica sobre a big city como podem ver na foto em baixo.
Para descansar um pouquinho fomos de metro até Leicester Sq comprar os bilhetes para o musical. E a nossa escolha foi - O Fantasma da Ópera.
Como ainda era muito cedo andámos a passear por ali e por Convent Garden, muitas pessoas, muitas lojas e comprámos uns chás.
Por volta das 18h fomos jantar, num restaurante muito chique inglês, o Burger King, e depois às 19h 30min lá estávamos nós no Her Majestic Theatre para assistir a duas horas e meia de puro espectáculo. Foi lindo. E ainda teve a sua parte cómica de quando um chinesinho pequenino adormeceu e fartou-se de cabecear no joelho do CL.

April 14
3º Dia em Londres
Neste dia havia gente por todo o lado uma vez que era Sábado mas nem por isso visitámos menos sítios.
Começámos o dia pelo Natural History Museum, um museu muito completo, onde podemos observar desde a história do nosso planeta Terra, aos seus mais variados habitantes, os extintos e os não extintos seres vivos, conhecimentos da sua reprodução, alimentação, fisiologia, locomoção, habitat, etc... Gostei particularmente do T-Rex, da parte do Fisiologia Humana e Genética.
A etapa seguinte foi dar uma voltinha no underground até Westminter Pier para comprar os bilhetes para o passeio de barco no Tamisa e enquanto esperámos almoçámos uma baguete mas desta vez bem sentadinhos num banco de jardim a apreciar a paisagem.
Apesar do bonito Sol estava um bocadinho de frio no barco mas isso não impediu que apreciássemos a viagem e comtemplássemos Londres vista do rio. Percorremos as inúmeras pontes desde as mais simples até à elaborada Tower Bridge, vimos lugares interessantes que não tivemos tempo de visitar como a London Tower, Tate Modern, Shakespeare's Globe e Exhibition.
Chegados a Greenwich Pier e sem tempo para demoras percorremos o Greenwich Park e seguimos para o Royal Observatory. Também adorei este lugar. Fica num sítio alto com vista para o parque e lá ao fundo The Thames.
Uma verdadeira actriz explicava a história daquele lugar e cativava toda a gente a ouvi-la e a aprender um pouco mais sobre aquele local. Explicava como os astrónomos tinham fixado o meridiano de Greenwich e como contavam o tempo a partir dalí. Um pormenor interessante é a bola vermelha que podem ver na fotografia, servia como relógio e orientava marinheiros e população pois, todos os dias às 13h, ela cai do topo até à base e todos podiam assim saber que horas eram (marca a GMT).
No interior podemos observar as várias divisões da casa, as mobílias da altura e uma sala octogonal muito importante pois foi nela que o astrónomo John Flamsteed (1646-1719) fez as primeiras observações e calculou o sítio exacto do meridiano (às vezes não era tão exacto assim).
Também apreciámos uma explicação de um funcionário do observatório relativa aos primeiros relógios construídos por Harrison que solucionaram o problema do tempo. O senhor construíu 4 bonitos relógios sendo o último um enorme relógio de bolso. Pobre Harrison o rei enganou-o e não lhe pagou tudo aquilo que lhe tinha prometido.
É claro que não podia vir embora sem tirar a típica fotografia onde estou com um pé no Este e outro no Oeste, ou como alguém disso, estar em dois sítios ao mesmo tempo não é para qualquer um. Adorei, adorei, adorei, pena que não podíamos prolongar mais a nossa estada nos 0º de longitude.
Foi depois disto que apanhámos o autocarro vermelho até uma estação de underground e daí velozmente para o Madame Tussaud's onde fomos dos últimos a entrar (foi por pouco). Lá dentro tirámos imensas fotos com gente famosa e de todos os tempos. Foi divertido dar a mão ao George Clonney, dar o braço ao Tom Cruise, pousar ao lado da Rainha e dos netos, enfim foi só brincar... Já a Chamber Life não foi tanto assim, aquilo assustava um bocadinho, os actores estavam bem caracterizados...
Como ainda não estávamos nada cansados fomos a pé até à Pizza Hut (perto do nosso Hotel) e voltámos à zona entre Convent Garden e Holborn para fazermos uma paragem num Pub e bebermos a típica beer. Como não nos contentamos com pouco foi um pint (1/2l) para cada um e juro que quando saímos ainda fazia o 4.

April 17
4º Dia em Londres
Bom, e aos poucos vou chegando ao fim desta minha viagem...Talvez esteja a ser demasiado exaustiva mas é para mais tarde não esquecer de nenhum detalhe.
Enfim, no último dia o que ía estragando tudo foi o facto de o Hotel fazer o check out cedíssimo, às 11h, o que significaria que teríamos de andar o resto do dia a arrastar as malas atrás de nós. E assim foi...e por isso não deixámos nenhum museu para ver neste dia uma vez que depois podiam não nos deixar entrar...
Dormimos até um pouquinho mais tarde, estava com vontade de tomar o breakfeast inglês mas quando vejo um casal sentar-se ao meu lado com um prato cheio de feijão, bacon, ovos e salsichas... desisti logo...
Primeiro fomos underground para Oxford St na qual passeámos devagar a aproveitar para ver as montras e fazer umas últimas comprinhas...
Depois almoçámos - Burguer King - e de volta ao underground para ir visitar o Harrods. Deixaram-nos entrar depois de depositarmos as malas num departamento específico.
Percorremos apenas uma parte do edifício, gostei era tudo espectacular, só boas marcas e muita qualidade nos produtos, pagos a bom preço, a secção que eu gostei mais foi a dos chocolates, de todos os tamanhos e feitios... Mas eu já estava de rastos, doíam-me os pés de tanto andar e ainda por cima com as malas atrás...estava na hora de ir até Heathrow esperar pelo avião, bem sentadinha a descansar...e assim fiz.
Resumindo e concluindo, Londres é uma cidade sem muita cor, com um certo ar de melancolia devido aos edifícios históricos que a povoam e que são bem grandiosos e imponentes, é uma cidade, no entanto, cheia de vida, onde não se pára, há sempre algo para fazer ou para ver, é uma cidade de divertimento mas também de cultura e arte.

Março 2006

March 01
Dentes...
Hoje foi dia de ir ao dentista...
Sim, é tema para escrever aqui. Primeiro porque não se vai todos os dias ao dentista, depois porque o dentista é um amigo de infância...
Dr. BM está de parabéns, não doeu nada, não os arrancou a todos e ainda por cima vou lá voltar...
Quanto à questão do fio dentário...é que está pior...eu sei que é necessário mas requer algum tempo e paciência...desculpa BM.

Ah! E já agora... PARABÉNS TERESA!

March 06
ROCK IN RIO
Fomos ontem comprar a prenda de anos do meu fofo para mim...sim, eu sei que devia ser surpresa mas assim será uma prenda que eu quero muito e ainda por cima vou partilhá-la com ele... 2 bilhetes para o Rock in Rio.

Vamos no dia 4 de Junho, o último dia, e vamos assistir por certo à Anastacia, Sting e muito mais... eu depois conto pormenores...

Já agora aproveito para dizer que comprei ao meu irmão e à namorada um fio muito giro, azul e branco, com bolinhas e um pendente... feito daquele material que está na moda agora... fimo... que se molda e depois vai ao forno... inventam de tudo...

Termino desejando um óptimo aniversário a ti, ANA, que tenhas muitas prendinhas e muitas felicidades...
A Ana é uma priminha que devia ter nascido depois de mim mas teve pressa de nascer e saíu primeiro...aliás tem tido pressa em muita coisa e por isso tem cometido algumas asneiras...mas não há-de ser nada...

March 13
O fim-de-semana é sempre uma alegria...é bom não fazer nada...passear...ver televisão...apanhar sol...enfim, boa vida!

No Sábado de manhã foi para dormir, dormir e mais dormir...à tarde ver a minha avozinha de 92 anos, passar uma montanha de roupa (esta foi a parte menos agradável) e à noite uma peça de teatro amador que apesar dos receios de toda a gente foi engraçada...era a história de um casal que pela rotina do quotidiano atravessavam uma crise e estavam à beira do divórcio...então acusavam-se mutuamente pela falta de romantismo e de sentimentos que já não demonstravam um pelo outro...a dúvida era saber se os afectos ainda existiam ou não...
No final a história ficou em aberto não se sabendo muito bem se houve separação ou não... eu acho que não (é o meu lado romântico a falar) o CL acha que sim (é o lado despachado dos homens a falar).

No Domingo também foi um dia bastante animado...de manhã a corridinha habitual para começar bem o dia e queimar algumas calorias...agora só me falta arranjar coragem para os abdominais. Depois o baptizado do Guilherme...seguido de um almoço muito simpático num Palácio...ao ar livre...com os pezinhos a enterrarem-se na relva...oh, oh... A comer o belo do porco assado no espeto com ananás e no fim as belas das sobremesas...e lá voltaram as calorias a mais outra vez... Mas prometo que esta semana vou ter juízo para o próximo fim-de-semana estragar tudo outra vez...


E...mais um aniversário... PARABÉNS...sogro!

March 15
LONDRES
Londres...capital europeia...mais propriamente em Inglaterra...localizam?
Pois, e porque é que eu estou a falar de Londres, perguntam vocês?
Porque vou lá, respondo eu! E não caibo em mim de contente!
Vou daqui a menos de um mês...vou dia 6 e venho dia 9 de Abril...
Os pormenores da visita ainda não estão definidos mas vou começar brevemente a definir...já estou fornecida de mapas, guias, etc...a única coisa que tenho a certeza é que vou ficar instalada num grande hotel (porque é mesmo grande, não que tenha muitas estrelas) chamado Royal National Hotel.
Já agora...se alguém tiver uma cunha com o S.Pedro é favor avisar-me porque eu não quero levar , só aceitamos .

March 18
Dúvida numérica...
Hoje estou com uma dúvida numérica...agradeço que me ajudem a esclarecê-la.

Faço apenas 30 anos ou já faço 30 anos?

Será que faço apenas 30 anos?... Ainda tenho muitos projectos para realizar, muitos sonhos que tornar realidade, algumas asneiras para fazer concerteza e muitas atitudes boas para tomar em relação aos outros e a mim. Neste caso, ainda tenho muitos anos pela frente para realizar todas estas ambições...

Será que já faço 30 anos?...E ainda tenho tantos projectos para realizar, tantos sonhos que tornar realidade, tantas asneiras para cometer e tantas decisões certas para tomar. Neste caso, estou à espera do quê, o tempo está a passar e eu a ver navios...

Bom, deixem lá, de qualquer forma, 30 é um número bonito...


April 02
NÃO QUERO CHEGAR TARDE
Ontem à noite fomos a mais uma peça da Amostra de Teatro em Alverca.
"Não quero chegar tarde" era o nome da peça e era a antestreia.
Os actores foram do melhor, representaram muito bem papéis que considerei ser difíceis representar.
Faziam de dois loucos internados numa instituição e relatavam a maneira de pensar e sentir as coisas no seu ponto de vista. Apesar de um estar "à espera do barco para ir para o Areeiro, ou um avião" e do outro que "esperava pelo autocarro para ir para a terra onde era alguém importante" demonstraram duas maneiras de encarar a vida bem diferentes mas que no fundo são duas maneiras bem comuns de encarar a vida escolhidas pelas pessoas ditas normais. E depois eles é que eram os malucos...
Um era um sonhador, só pensava na paz, em acabar com a opressão, queria acabar com todas as grades, janelas e portas fechadas, queria melhorar o mundo através da poesia e do amor. O outro era um materialista, um consumista, importante para ele era o carro, a casa, comer bem, mulheres bonitas e relembrava constantemente a pessoa importante que tinha sido e o prestígio que tinha tido.
Ora, estes comportamentos são comuns a muitos conhecidos nossos já para não dizer mesmo em nós, logo os loucos somos nós... A mensagem que eu retirei é que não vale a pena sermos demasiado sonhadores nem idealistas, não vamos conseguir mudar o mundo embora possamos dar uma minúscula contribuição, e o consumismo não ajudará nessa mudança nem nos vai trazer felicidade interior embora haja hoje um consumo mínimo necessário para tornar a nossa vida mais facilitada e descomplicar algumas tarefas do dia a dia para que possamos ter tempo para dar a nossa contribuição e tornar este mundo um nadica mais leve…

Fevereiro 2006

February 14
S. Valentim
Hoje é dia de S. Valentim, é dia de dizer mais uma vez AMO-TE...

February 16
Aí vem...o concurso
E vai começar mais uma vez a preocupação dos concursos ...
Lá vou ter que analisar novamente toda a lista de escolas, da zona claro, para decidir a que por em primeiro lugar...
E desta vez ficar na mesma por 3 anos será uma novidade interessante...mas é claro que eu vou ficar em Quadro de Zona não é por isso tenho menos com que me preocupar...

Pode ser que assim outros pensamentos negativos aligeirem a minha cabeça...

February 22
Em pleno século XXI
Em pleno século XXI existe trabalho infantil e até que alguém se preocupe de facto com a situação decorrem meses e meses...
É, é verdade sim senhor....existe e não é tão raro como se julga...
Imaginem uma família constituída por um casal e três filhas...agora imaginem que a mãe tem um trabalho precário e mal pago...imaginem que o pai está desempregado, gosta do que faz e também de beber uns copos...imaginem que ele toma conta da filha mais nova porque não há dinheiro para pagar um infantário mas frequentemente chateia-se da tarefa e pede à filha do meio que não vá à escola e fique a tomar conta da irmã...pede-lhe também outras coisas...que vá buscar roupa e alimentos a quem lhos oferece...que vá trabalhar para a feira a troco de uns euros...poucos...ou que vá ajudar na venda de uma banca de fruta a troco de alguns géneros alimentícios...enquanto ele...não faz nada...
Isto é possível nos dias de hoje, e o que pode ser feito é denunciar as situações de que tomamos conhecimento à CPCJ mas como nos últimos tempos temos confirmado pelos telejornais a CPCJ não tem mãos a medir e por vezes não actua atempadamente nestas situações...quando o faz já o tempo passou, já é tarde demais, já a miúda é maior de idade ou então algo de mais terrível aconteceu....

February 27
Sábado à noite
Bom, vou contar como foi o meu sábado...muito bom.
Basicamente...
Sim porque fui comprar umas prenditas para oferecer ao centro comercial Vasco da Gama. Depois fui tentar comprar bilhetes para o Rock in Rio, que por acaso vai a prenda de aniversário do meu fofo para mim, mas infelizmente não havia lá... Tivemos um jantar muito especial, num restaurante mexicano a relembrar a nossa lua de mel, comi mole com poblano acompanhado de marguerita e para sobremesa um burrito doce....
Depois lá fomos ao cinema ver um filme espectacular...O segredo de Brocback Mountain....lindoooo...uma história de 2 cowboys muito machos que se conhecem na montanha e se apaixonam mas a relação termina quando o trabalho termina. Vai cada um para seu lado, refazem as suas vidas, casam têm filhos até que um dia se reencontram e a partir daí têm encontros esporádicos na montanha para matar as saudades...não gozem é um amor lindo e impossível para a época...Esta relação dura 20 anos mas um deles não chega a ganhar a coragem de começar uma vida juntos...até que um dia...um deles morre...e aí o outro arrepende-se de não ter dado uma oportunidade a esse amor...mas já era tarde...ele acaba sozinho...comovente...espero que ganhe alguns óscares...merece.